Categorias

Publicada por Assessoria de Imprensa 20/12/2017

Copersucar avança na criação de uma marca da liderança

Profissionais da Copersucar em encontro da Escola de Liderança, realizada em 2017. Divulgação/Copersucar

Profissionais da Copersucar em encontro da Escola de Liderança. Foto: Divulgação/Copersucar

Durante todo o ano de 2017, a Copersucar ampliou a formação de sua Marca da Liderança. Foram realizados cerca de 100 horas de treinamentos focados em todos os seus níveis de gestão. Um dos destaques, com bons resultados identificados em uma Pesquisa de Engajamento, foi para os módulos realizados com o primeiro nível de liderança que atua nos Terminais em Santos, Ribeirão Preto e Paulínia.

Por meio de módulos presenciais e trabalhos de coaching, os participantes têm a oportunidade de trocar conhecimentos e de se desenvolver em três dimensões: Empresa, Marca da Liderança e Individual. O conteúdo é todo personalizado e adaptado ao perfil dos profissionais da Copersucar.

No projeto focado em líderes de Terminais, participam 60 profissionais em cargos de encarregado, supervisor e coordenador. O objetivo é transformar situações do cotidiano de cada um desses líderes em experiências conscientes de aprendizado do que se espera de um Líder Copersucar. Eles tiveram aulas de: autoconhecimento, efetividade de liderança, comunicação, relacionamento produtivo, negociação e tratamento de conflitos, entre outros. A cada encontro, todos tinham de apresentar exemplos e o que tinham conseguido realizar até então.

A principal evolução notada foi na comunicação entre os envolvidos. Todos os setores consideram que o apontamento de problemas e a busca por soluções estão melhores, mais ágeis e mais objetivos. “Aplicamos o conhecimento no controle de recebimento e carregamento nos Terminais, melhoramos performance de equipamentos – até descobrimos um problema de elevador com esses exercícios e o solucionamos. O feedback e a solução de conflitos melhoraram muito”, explica Sandro Geraldo Chiquino, coordenador do Terminal Multimodal Copersucar de Ribeirão Preto.

Dentre as avaliações internas posteriores ao curso, como a Pesquisa de Engajamento, os funcionários dos Terminais são atualmente os que mais recomendariam a Copersucar para trabalhar, aqueles que se sentem mais orgulhosos, e com os índices mais altos de pertencimento ao sucesso da Companhia.

Níveis executivos também recebem formação especializada

Um programa personalizado tem sido aplicado também para coordenadores, gerentes e diretoria da Copersucar alocados nas áreas administrativas da Companhia. Com duração de dois anos, o objetivo é alavancar as competências de gestão de pessoas e de negócios de seus líderes. Na grade curricular estão palestras, fóruns, diálogos, projeto aplicativo, assessment e coaching individuais.

O projeto avançará em 2018, buscando levar a esses profissionais mais capacitação também na busca pelo desenvolvimento das três dimensões: Empresa, Marca da Liderança e Individual.

A ESCOLA DE LIDERANÇA PARA QUEM A APLICA

Depoimentos de funcionários da Copersucar

“De uma forma bem simples de entender, a Escola nos mostrou que a empresa não mediu esforços em fazer algo para o melhor de todos. Percebemos que o treinamento pode ajudar, inclusive em casa, se soubermos ouvir, tratar os assuntos de forma mais objetiva e trabalhar melhor com as partes.”
Edson Neves Almeida, supervisor de Segurança Patrimonial no Terminal Açucareiro Copersucar (TAC), em Santos

“Foi um treinamento de teoria e prática com aplicação imediata. Aprendemos com a Escola de Liderança a olhar para nós mesmos, quanto tempo gastávamos com tudo e como podemos melhorar. Uma lição que tirei: não dou mais respostas, faço perguntas.”
Joel Souza, supervisor de Manutenção no Terminal Açucareiro Copersucar (TAC), em Santos

“Antes não sabia como abordar quando tinha algo importante para resolver. Agora, se percebo algo para incentivar, converso individualmente. Não tinha essa noção, e aprendi a dividir esse ganho da Escola de Liderança com todos.”
Raimundo Pinheiro, encarregado de Operações no Terminal Açucareiro Copersucar (TAC), em Santos

Últimas notícias

23/01/2020
Engenho dos Erasmos: marco histórico aberto a visitas guiadas
Na quarta reportagem da série sobre a história do açúcar no Brasil, você irá conhecer um pouco mais sobre a importância do Engenho dos Erasmos... ver mais
09/01/2020
A civilização do açúcar: características singulares estruturam as políticas no Brasil
Aqui continuamos a série sobre a história do açúcar no Brasil (leia as reportagens anteriores acessando os links no fim do texto). No Nordeste, a... ver mais
18/12/2019
Açúcar traça o caminho para a formação da sociedade brasileira atual
Nesta série sobre a história do açúcar no Brasil, já mostramos como ele chegou ao país. Agora, vamos contar um pouco mais sobre como o... ver mais
14/11/2019
Como o açúcar chegou ao Brasil
O açúcar nasceu na Ásia no século 5, atravessou continentes, já foi artigo de luxo na Europa e chegou ao Brasil no século 16, onde,... ver mais
15/10/2019
Etanol: consumo aquecido e produção recorde
A demanda por etanol hidratado segue aquecida neste Ano Safra 2019/2020, que teve início em abril, motivada pelo preço do combustível, que está mais atrativo... ver mais
27/09/2019
Mais qualidade de vida com o uso do etanol
Em 19 de setembro, o Brasil comemorou 40 anos da assinatura do Protocolo entre o Governo Federal e a Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos... ver mais
04/09/2019
Energia de valor: vida longa ao etanol!
“Hoje, o etanol tem seu valor reconhecido e deve permanecer em nossa matriz energética por um bom tempo, já que é uma energia absolutamente limpa... ver mais
19/08/2019
O caminho do açúcar: o produto chega ao cliente
Encerramos a série de três reportagens sobre a trajetória do açúcar falando um pouco mais sobre o cliente? Após criteriosos processos de produção e logística,... ver mais