Categorias

Publicada por Copersucar 12/03/2019

Por dentro do TAC: como é o dia a dia do Centro de Controle Operacional no maior Terminal da Copersucar

“Somos o coração e o cérebro do Terminal da Copersucar em Santos.” Assim o programador Yury dos Santos Nunes, 31 anos, costuma definir o Centro de Controle Operacional (CCO) do Terminal Açucareiro Copersucar (TAC), em Santos (SP). E é acompanhando um pouco da rotina dele que esta série especial de quatro reportagens sobre o funcionamento do Terminal a partir do dia a dia de quatro de seus 360 colaboradores se encerra (Reveja, aqui, as três reportagens anteriores).

Os 18 profissionais do CCO, entre operadores, programadores e gestores, controlam todos os processos operacionais do TAC Santos (SP). Cada um dos quatro turnos diários conta com dois operadores, que se concentram em uma sala, de onde monitoram tudo pelo painel eletrônico e pelas telas de computador. Um acompanha as operações de descarga enquanto o outro se dedica ao embarque.

Yury, que já passou por ambas as funções, explica que, na descarga, o profissional fica de olho nas moegas, autoriza ou não os comandos nos equipamentos solicitados pela equipe no local e verifica, em tempo real, se tudo está funcionando bem ou se algum equipamento aponta paradas ou falhas.

No embarque, o operador precisa focar na preparação das rotas compostas pelas esteiras transportadoras, que levam o açúcar a granel até os navios no Porto de Santos. Ele também faz a interface com o operador dos três shiploaders (carregadores de navio), garantindo que o roteiro do embarque esteja sendo seguido.

No entanto, ambos os operadores, seja do embarque ou da descarga, tem algo em comum, que é buscar a otimização da operação, com o objetivo de alcançar o máximo de eficiência possível dentro dos padrões de segurança estabelecidos.

 

Visão macro do Terminal Copersucar

No TAC desde 2011, Yury passou pelas áreas de monitoramento e triagem, até chegar ao CCO, em 2016, na função de operador. E, desde setembro último, ocupa o atual cargo de programador na Copersucar. Como programador, ele tem novos desafios, precisa ter uma visão macro das operações de descarga e embarque. Mas, seu conhecimento como operador é um grande trunfo.

Na atual rotina de trabalho, ele elabora o roteiro que será seguido nas operações. Para isso, checa no sistema as eventuais ocorrências, o número de vagões e caminhões previstos para descarregar, o volume de açúcar que será descarregado e o que será embarcado, em qual navio e a quantidade e nos porões da embarcação.

“Estou vivendo um ótimo momento profissional, com muito a celebrar”, afirma. Formado em Logística pela Unimonte, o santista quer aprender mais sobre o negócio da Copersucar, agregar conhecimento, crescer na carreira e enfrentar novos desafios.

 

A grandiosidade do TAC

Dotado de equipamentos modernos e atualizados tecnologicamente, e de processos de gestão em linha com as melhores práticas do mercado, o Terminal Açucareiro Copersucar (TAC) funciona 24 horas, sete dias por semana, movimentando, em média, 36 mil toneladas diárias de açúcar a granel. Sua capacidade estática de armazenagem é de 300 mil toneladas e os três shiploaders (carregadores de navio) conseguem embarcar até 5,4 mil toneladas por hora, nos navios que zarpam do maior porto exportador da América Latina rumo ao Oriente Médio, Norte da África e Ásia, entre outros países. Hoje, sua capacidade de embarque alcança 8,5 milhões de toneladas por ano – também escoa soja e milho, em menor escala. Em novembro último, o TAC bateu o recorde de embarque em um só navio: 82.330 toneladas, em uma operação que durou 49 horas.

Últimas notícias

15/10/2020
Evitar focos de incêndio é responsabilidade de todos
Os incêndios podem ocorrer durante todo o ano, principalmente em períodos caracterizados pelo clima seco, pouca chuva, ventos fortes e altas temperaturas. Sua proliferação traz... ver mais
15/10/2020
Grupo Pedra já recuperou 95% de suas APP no interior paulista
“Pode parecer comum para nós, mas o pessoal de fora do interior que vem para cá fica maravilhado, tirando fotos como loucos. Gente que nunca... ver mais
29/09/2020
Projeto ambiental recupera áreas nativas e reabilita fauna silvestre
A conservação ambiental é tema primordial na política de sustentabilidade da Copersucar. Um dos exemplos da eficácia de ações com foco na preservação e recuperação... ver mais
17/09/2020
Logística ferroviária e dutoviária reduz emissões de carbono
Abastecer os mercados interno e externo com açúcar e etanol exige uma complexa infraestrutura logística da Copersucar, que envolve terminais multimodais integrados por caminhões, trens... ver mais
14/09/2020
Zilor doa ventilador pulmonar de transporte para Quatá
A Zilor Energia e Alimento, um dos grupos econômicos sócios da Copersucar,  doou à Secretaria de Saúde do município de Quatá – SP, um aparelho ventilador... ver mais
04/09/2020
RenovaBio impacta positivamente a economia e os negócios da Copersucar
Um dos objetivos da Política Nacional de Biocombustíveis (RenovaBio), instituída em 2017, é assegurar a previsibilidade ao mercado de combustíveis, induzindo ganhos de eficiência energética... ver mais
28/08/2020
Colaboradores da usina São José da Estiva recebem kit #NósCuidamos
A Usina São José da Estiva distribuiu aos colaboradores kits de proteção contra à Covid-19. Cada funcionário recebeu um frasco com álcool em gel; duas máscaras... ver mais
17/08/2020
Confiabilidade dos créditos de descarbonização é tema do segundo episódio do CoperCast
No segundo episódio do CoperCast,  João Roberto Teixeira, presidente da Copersucar, e Bruno Alves Pereira, gerente de Comunicação Corporativa e Relações Institucionais da companhia contam... ver mais