Categorias

Publicada por Copersucar 31/01/2020

A história do Porto de Santos começa com o açúcar

O Porto de Santos, até hoje o maior polo marítimo exportador de açúcar do país, foi criado para escoar a produção de açúcar, no início do século 16. Reza a lenda que, nessa época, o produto tornou-se moeda de troca na Vila de São Vicente (SP), fundada pelo fidalgo Martim Afonso de Souza, em 1532. Foi ele, também, o fundador do hoje chamado Engenho dos Erasmos, considerado o primeiro de grande porte no Brasil, que deu origem a outros e tornou a região um importante centro produtor de açúcar.

A professora do Departamento de História da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo (FFLCH/USP), Vera Lucia Amaral Ferlini, explica que o atracadouro de São Vicente foi preterido para receber o porto porque o desenho da orla era mais aberto e, portanto, mais vulnerável às intempéries e ao ataque de piratas, que cobiçavam o produto então bastante valorizado no mercado europeu, além de ter um calado menor do que o da orla santista. Assim, o primeiro trecho do que viria a se tornar o maior complexo portuário brasileiro consolidou-se no Lagamar do Enguaguaçú, que significa “grande enseada” em tupi e, hoje, é o centro da cidade de Santos (SP).

Por volta de 1630, o Brasil passa a ser o maior produtor mundial de açúcar. A produção para exportação se dava no planalto, e o açúcar chegava ao porto em lombo de mula até 1792, quando foi inaugurada a estrada Calçada do Lorena.

Segundo Vera Lucia Amaral Ferlini, todos os governadores locais, de 1670 até a Independência do Brasil, em 1822, esforçaram-se para incrementar o Porto de Santos, que se tornaria o grande exportador. O Porto de Santos operou com estruturas rudimentares até 2 de fevereiro de 1892, quando foram inaugurados os primeiros 260 metros de cais construídos. A partir daí, cresceu rapidamente, atravessando todos os ciclos econômico do país, tornando-se o maior complexo portuário da América Latina atualmente.

Terminal Açucareiro Copersucar (TAC)

Ponto estratégico para as atividades de exportação da companhia, o Terminal Açucareiro Copersucar (TAC), localizado no Porto de Santos, foi inaugurado em 1998 e, em 2013, teve sua estrutura ampliada. Hoje, tem capacidade de armazenagem estática de 300 mil toneladas de açúcar a granel, de atender embarcações de grande porte, acima de 70 mil toneladas, e de embarcar 5,4 mil toneladas/hora. A eficiência de recepção e descarga é de 36 mil toneladas/dia, podendo carregar até 60 mil toneladas/dia em navios.

Confira as reportagens anteriores dessa série:

0

Últimas notícias

06/04/2021
Bioenergy from Sugarcane: o potencial do setor sucroenergético brasileiro
Lançado em 19 de março, com apoio da Ourofino Agrociência, o livro Bioenergy from Sugarcane apresenta ao mundo o potencial sustentável do setor sucroenergético brasileiro,... ver mais
22/03/2021
Mercado de CBios avança e deve crescer ainda mais em 2021
Preocupado com as mudanças climáticas, o mundo caminha a passos largos para uma economia de baixo carbono. Nesse cenário, o mercado de Créditos de Descarbonização... ver mais
08/03/2021
Copersucar e Instituto Crescer formam jovens empreendedores
A Copersucar e o Instituto Crescer desenvolvem nas cidades paulistas de Santos, Ribeirão Preto e São José do Rio Preto o Programa Conecta, que oferece à... ver mais
05/03/2021
Copersucar promove live com especialista para reforçar orientações sobre a Covid-19
Após um ano do início das ações de combate ao coronavírus, a Copersucar convidou o médico e responsável pela área de Medical Affairs da Bayer para... ver mais
18/02/2021
As aplicações comerciais dos diferentes tipos de açúcar
Você sabia que rações animais, drágeas de medicamentos e aquele fluido utilizado para realçar a cor preta no pneu do carro contêm açúcar? Além de... ver mais
03/02/2021
Açúcar ou etanol: usinas decidem o que produzir
Quem acompanha o noticiário já percebeu que os mercados de açúcar e etanol são bastante dinâmicos. Ora está mais favorável a um, ora a outro.... ver mais
20/01/2021
Atualizado, Canal Ético ganha atendimento bilíngue
A Copersucar reformulou o seu Canal Ético e agora disponibiliza atendimento também em inglês, com a nova gestão da ferramenta pela ICTS. “Temos escritórios na... ver mais
22/12/2020
Ano de transformações
Em um ano tão desafiador como 2020, fica claro a importância do coletivo, pois foi a dedicação de nosso time e a parceria de toda... ver mais