Categorias

Publicada por Copersucar 14/11/2018

Etanol reduz impacto da poluição na saúde

“Se eu tivesse o poder de substituir o diesel de todos os veículos, não pensaria duas vezes e investiria em etanol.” A afirmação é do médico patologista e especialista em poluição atmosférica, Paulo Saldiva, que dirige o Instituto de Estudos Avançados (IEA) da Universidade de São Paulo (USP).

Segundo o pesquisador, um em cada dez infartos na capital paulista está ligado à poluição do ar, o que resulta em 4 mil mortes prematuras por ano. Os efeitos do ar poluído respondem por 12% das internações respiratórias, sendo o setor de transportes responsável por 14% das GEE (Gases de efeito estufa).

Quem convive com o tráfego das metrópoles inala partículas tóxicas expelidas pelos veículos movidos a diesel e a gasolina que ficam suspensas no ar. Estudo do Instituto de Energia e Meio Ambiente (IEMA) aponta que, só na cidade de São Paulo, os carros representam 73% dos gases poluentes presentes na atmosfera.

De acordo com um estudo de 2013, conduzido por Saldiva para a USP, se os veículos da capital consumissem apenas gasolina, o custo anual para o Sistema Único de Saúde (SUS) seria de, no mínimo, R$ 380 milhões apenas para os cuidados relacionados com doenças do sistema respiratório.

 

Etanol reduz poluição em 50%

É fato que a substituição de combustíveis fósseis por energia limpa tem o potencial para reduzir a poluição nos grandes centros, já que os carros movidos a biocombustível emitem bem menos CO2 (dióxido de carbono) do que os motores a diesel ou a gasolina.

Em outra pesquisa da USP citada por Saldiva, para os próximos 12 anos, o etanol sozinho proporcionaria uma redução adicional de emissões estimadas em 571 milhões de toneladas de CO2. Para a saúde, isso evitaria 11 mil internações e quase 7 mil mortes no período. Segundo o estudo, haveria uma economia de até US$ 23 milhões para o SUS.

Por ser uma fonte limpa, o etanol – popularmente conhecido como álcool – contribui para manter a qualidade do ar, inclusive, no tipo de segunda geração (E2G), obtido por meio de biomassa, como a palha e o bagaço da cana-de-açúcar. Para Saldiva, se a cidade trocasse os combustíveis fósseis da frota veicular por etanol, a poluição cairia 50%. “Melhor ainda se essa resolução fosse aliada a um macroprojeto de mobilidade urbana”, defende o pesquisador.

Últimas notícias

15/10/2020
Evitar focos de incêndio é responsabilidade de todos
Os incêndios podem ocorrer durante todo o ano, principalmente em períodos caracterizados pelo clima seco, pouca chuva, ventos fortes e altas temperaturas. Sua proliferação traz... ver mais
15/10/2020
Grupo Pedra já recuperou 95% de suas APP no interior paulista
“Pode parecer comum para nós, mas o pessoal de fora do interior que vem para cá fica maravilhado, tirando fotos como loucos. Gente que nunca... ver mais
29/09/2020
Projeto ambiental recupera áreas nativas e reabilita fauna silvestre
A conservação ambiental é tema primordial na política de sustentabilidade da Copersucar. Um dos exemplos da eficácia de ações com foco na preservação e recuperação... ver mais
17/09/2020
Logística ferroviária e dutoviária reduz emissões de carbono
Abastecer os mercados interno e externo com açúcar e etanol exige uma complexa infraestrutura logística da Copersucar, que envolve terminais multimodais integrados por caminhões, trens... ver mais
14/09/2020
Zilor doa ventilador pulmonar de transporte para Quatá
A Zilor Energia e Alimento, um dos grupos econômicos sócios da Copersucar,  doou à Secretaria de Saúde do município de Quatá – SP, um aparelho ventilador... ver mais
04/09/2020
RenovaBio impacta positivamente a economia e os negócios da Copersucar
Um dos objetivos da Política Nacional de Biocombustíveis (RenovaBio), instituída em 2017, é assegurar a previsibilidade ao mercado de combustíveis, induzindo ganhos de eficiência energética... ver mais
28/08/2020
Colaboradores da usina São José da Estiva recebem kit #NósCuidamos
A Usina São José da Estiva distribuiu aos colaboradores kits de proteção contra à Covid-19. Cada funcionário recebeu um frasco com álcool em gel; duas máscaras... ver mais
17/08/2020
Confiabilidade dos créditos de descarbonização é tema do segundo episódio do CoperCast
No segundo episódio do CoperCast,  João Roberto Teixeira, presidente da Copersucar, e Bruno Alves Pereira, gerente de Comunicação Corporativa e Relações Institucionais da companhia contam... ver mais